Notícias

Mais um marco na história da Actemium Óleo e Gás Offshore

image

Realização de parada de produção no FPSO P-76 já é a décima-oitava com 100% do escopo realizado e Zero Acidentes

A Actemium Óleo e Gás Offshore venceu mais um desafio ao realizar uma parada de produção de vinte dias no FPSO P-76 da Petrobras, localizado em Búzios, no pré-sal da Bacia de Santos. O objetivo da parada foi a interligação das linhas do permutador de condensação retrógrada e todas as soluções foram implementadas com sucesso e zero acidentes, mesmo diante das múltiplas atividades envolvendo alto risco.

De acordo com Samuel Ferreira, Gerente da Unidade de Negócios, “já são mais de 18 paradas de produção em que a Actemium cumpre 100% do escopo proposto dentro dos prazos e com zero acidentes. Somos líderes em índices de segurança no mercado upstream e trabalhamos mais de mil dias sem acidentes nas plataformas P-74, P-51, P-38 e PRA-1. Isso é muito importante para mostrar que o nosso compromisso com a segurança não está só no discurso.”

De fato, a Actemium Óleo e Gás Offshore – uma das unidades de negócios da VINCI Energies no Brasil – tem concluído com excelência diversos serviços de engenharia e manutenção, garantindo que os ativos de seus clientes em alto mar operem com integridade e produzam óleo e gás com segurança e eficiência por muitos anos.

Todos os projetos são conduzidos por equipes multidisciplinares que concebem o planejamento integrado de atividades de manutenção, o planejamento e a execução de paradas de produção, além das soluções de reparo. Ferreira destaca, entre as atividades realizadas pela Actemium, os projetos de engenharia básica e detalhada, os serviços de extração, a manutenção de equipamentos e a manutenção e montagem de caldeirarias.

“Temos a expertise técnica e trabalhamos em rede com outras unidades de negócios da Actemium e da VINCI Energies no Brasil e no exterior. Temos diferenciais muito fortes, como a solidez do grupo, o compromisso com a ética e compliance, e o desenvolvimento de novas tecnologias que visam ganhos de produtividade com segurança e uma melhor performance da equipe.”

Ao longo dos últimos dez anos, a Actemium vem atuando nos campos de produção de Marlim Sul, Marlim Leste, Roncador, Búzios, Albacora, de Lula, Berbigão e Atapu, e nas principais bacias brasileiras: Campos, Santos e Espírito Santo.

“Fabricamos e instalamos mais de 1500 toneladas de itens de caldeiraria por meio de SEPs (Solicitações de Estudos de Projetos). Fizemos o tratamento anticorrosivo e a pintura de mais de 800 mil metros quadrados em unidades marítimas de produção, incluindo pinturas importantes como helipontos e tanques. Recentemente, entregamos 16 módulos de acomodação para as plataformas do ativo de Búzios P-74, P-75, P-76, P-77, que irão proporcionar um aumento de POB (people on board) nessas unidades marítimas. Fizemos toda a engenharia, suprimentos, fabricação, montagem e comissionamento desses módulos em um período de apenas dez meses. Foi um projeto extremamente desafiador.”

É interessante observar que, no presente momento, a Actemium Óleo e Gás Offshore conta com aproximadamente 900 colaboradores embarcados em ativos de produção em alto mar, um número surpreendente visto que, em alguns casos, chega a ser até maior do que o de trabalhadores embarcados dos próprios clientes, demonstrando a capacidade de atuação e de emprego de força de trabalho da Actemium no ambiente offshore.